» » Passei mal durante o treino, o que aconteceu?

Passei mal durante o treino, o que aconteceu?

Passar mal durante um treino é mais comum do que se imagina, muitas pessoas que praticam atividades intensas correm esse risco, isso pode variar de pessoa para pessoa. Os principais casos são a queda de pressão, enjôo e hipoglicemia, vamos detalhar cada um a seguir, caso isso ocorra nada de se trancar no banheiro, peça orientação e ajuda ao seu instrutor, e nada de continuar os exercícios, espere ate melhorar e vá repousar em casa.

A grande maioria dos casos de diminuição da pressão arterial não tem maior significado clínico, embora possam ser desagradáveis para os acometidos e apresentem algumas conseqüências, de uma maneira geral, menos graves. Com o grande desgaste nos exercícios as células necessitam de uma quantidade a mais de oxigênio, e as vezes o coração não dá conta de bombear o sangue para os músculos, e assim acontece a queda de pressão.

Os enjôos acontecem pelo fato da pessoa ir treinar com a barriga cheia, ou logo cedo pela manhã sem comer nada, é muito freqüente. O corpo quando tem uma sobrecarga grande uma substância chamada lactato, o seu excesso produz enjôo também. Com a produção alta sobrecarrega o fígado e causa esse sintoma muito chato.

A hipoglicemia é a mais comum de todos os maus sentidos durante um treino, ela ocorre pelo fato de alimentar-se mal ou por uma carga muito pesada. É um distúrbio provocado pela baixa concentração de glicose no sangue, que pode afetar pessoas portadoras ou não de diabetes.

A insulina é um hormônio produzido pelo pâncreas, que funciona como fonte de energia para a entrada da glicose nas células. Os quadros de hipoglicemia se instalam, quando aumenta a quantidade de insulina no sangue, ou diminui a quantidade dos hormônios de contrarregulação. Então é isso, se você passou mal procure seu personal, e depois procure fazer exames.

Atualizado em: 21/08/2018 na categoria: Dicas

Aceita Receber os melhores e mais novos exercícios?